Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Kit d'Unhas

Porque o kit d'unhas não se compra. Crítica ao mundo rally.

Porque o kit d'unhas não se compra. Crítica ao mundo rally.

Lancia Delta HPE HF

A segunda geração do Delta é aplidada por muitos como o início do fim da marca italiana. A herança era muito grande e não foi o modelo que os fãs estavam à espera. Mas terá o grupo italiano pensado numa história diferente, que nunca chegou a ser realidade?

LANCIA DELTA HPE 2.0 HF MK2_1.jpg

Como vimos anteriormente o projecto do Hyena foi apresentado como o sucessor em competição, do lendário Integrale, que à altura dos acontecimentos cumpria todos os requesitos do regulamento de Grupo A. O HPE pelo contrário faltava alguns factores importantes como o 4WD.

Mas para o espanto de alguns, em 1997 foi apresentada uma versão diferente do HF, com mais potência e vias mais largas. Estranhamente é nessa mesma altura que surgem os regulamentos de WRC, que aí sim o HPE cumpria os requesitos. Será que esse restyling não terá uma origem diferente?

Acredito que terá sido experimentado, mesmo sendo só em tese, uma versão com as novas regras, uma tentativa de fazer regressar a marca ao Mundial, sem a despesa de criar um modelo de homologação.

Com uma resposta negativa, sobraram as alterações que foram intruduzidas no modelo de estrada. Que só foi comercializado entre 1998 e 2000, dando ainda mais força a esta hipótese, sendo o resultado do projecto que não viu a luz do dia.

Seria fantástico pudermos falar de uma sucessão, o Hyena no fim dos Gr. A e o HPE no início dos WRC, matendo as cores da Martini e os Italianos no Mundial.

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D